Script Macromedia Flash
   
Topo 1
Topo 2

Alteração da forma de notificação de entidades sob vigilância através da Unidade de Vigilância Pediátrica da SPP

Unidade De Vigilância Pediatrica

A Unidade de Vigilância Pediátrica da Sociedade Portuguesa de Pediatria (UVP-SPP/PPSU) tem promovido a utilização da via electrónica para a notificação de casos das entidades sob vigilância através do seu sistema. Para melhor aproveitamento dos recursos financeiros disponíveis, foi decidido pela SPP a maximização dos contactos electrónicos com os sócios, propósito com o qual a UVP-SPP/PPSU concorda e ao qual aderiu. Assim, em Julho de 2011 deixará de ser enviado o cartão laranja postal...

 


CIRCULAR INFORMATIVA

 

Alteração da forma de notificação de entidades sob vigilância através da
 Unidade de Vigilância Pediátrica da SPP

 
A Unidade de Vigilância Pediátrica da Sociedade Portuguesa de Pediatria (UVP-SPP/PPSU) tem promovido a utilização da via electrónica para a notificação de casos das entidades sob vigilância através do seu sistema. Esta via é mais barata e eficiente do que a postal, permitindo a gestão electrónica de dados pela UVP-SPP/PPSU e pelos responsáveis dos programas de vigilância. De facto, nos últimos anos, a via electrónica tem sido a via mais habitualmente usada pelos notificadores regulares da UVP-SPP/PPSU. No entanto, um número muito importante de notificadores continua a usar a via postal, apesar de muito mais cara e ineficiente.

Para melhor aproveitamento dos recursos financeiros disponíveis, foi decidido pela SPP a maximização dos contactos electrónicos com os sócios, propósito com o qual a UVP-SPP/PPSU concorda e ao qual aderiu.

Assim, em Julho de 2011 deixará de ser enviado o cartão laranja postal, passando a disponibilizar-se apenas a notificação electrónica.
 
Informamos aqueles que ainda não recebem o cartão laranja de notificação por e-mail que tal apenas se deve a que os seus dados não se encontram devidamente actualizados na base da SPP. Pode proceder-se à actualização individual dos dados pessoais através do website da SPP http://www.spp.pt e acedendo à área reservada escolhendo “login”. É necessário inserir o “nome de utilizador” e a “palavra-chave” para aceder à área reservada. Quem ainda não tiver estes códigos ou os extraviou pode recuperá-los escolhendo “Recuperar Password” e indicando o seu e-mail. Ao aceder à área reservada, estes códigos poderão ser personalizados para ser facilmente recordados.

Informamos que os formulários em PDF para envio dos dados dos casos observados estão sempre disponíveis nas páginas das entidades sob vigilância (área “UVP-SPP”), podendo o envio dos formulários ser efectuado sem prévia notificação, se desejado.
Ao notificar um caso por via electrónica, os formulários são automaticamente disponibilizados para preenchimento em html e envio electrónico.

Lembramos que a notificação de casos apenas está completa após o preenchimento e envio do formulário, fornecendo aos responsáveis dos programas de vigilância os dados necessários para atingir os objectivos previstos.

A UVP-SPP/PPSU existe como um instrumento facilitador de programas que visam o melhor conhecimento de doenças e entidades pediátricas graves mas pouco frequentes, contribuindo assim para melhorar a saúde das crianças portuguesas. O êxito da sua missão depende do empenhamento dos pediatras notificadores e dos responsáveis dos programas de vigilância que usam o sistema. A continuação da colaboração de todos é necessária para que a UVP-SPP/PPSU continue a prestar o serviço útil que desenvolve nos últimos 10 anos.

Mantenha a sua participação na UVP-SPP/PPSU aderindo à notificação electrónica!

Qualquer dúvida sobre o funcionamento da UVP-SPP/PPSU ou da SPP pode ser esclarecida pelos seus respectivos secretariados, através dos endereços electrónicos uvp-ppsu@spp.pt e secretariado@spp.pt.

 
 
Daniel Virella
ComEx da Unidade de Vigilância Pediátrica
da Sociedade Portuguesa de Pediatria