Topo 1

Curso Básico sobre Perturbações do Desenvolvimento Infantil

Local: Auditório da Faculdade de Psicologia e das Ciências de Educação da Universidade do Porto

Dia: 26 de Novembro de 2010 a 27 de Novembro de 2010

Organização: Associação Portuguesa de Portadores de Trissomia 21

Temática: Perturbações do Desenvolvimento
 

Resumo: Com uma carga horária de, aproximadamente, 14 horas, serão abordados, ao longo do CURSO BÁSICO SOBRE PERTURBAÇÕES DO DESENVOLVIMENTO INFANTIL, os principais aspectos clínicos (nosológicos e nosográficos) relacionados com as perturbações desenvolvimentais mais prevalentes.

Sempre que possível e justificado, as comunicações serão complementadas com a apresentação de histórias clínicas de casos paradigmáticos. Irão ser visionadas, também, curtas vídeo-gravações demonstrativas de diversos comportamentos, susceptíveis de serem integrados (ou não) nos critérios nosológicos das diferentes Perturbações do Desenvolvimento.
 
Os participantes formalmente inscritos no Curso poderão aceder aos conteúdos das comunicações (por razões de ordem ética, excluir-se-ão as fotografias e outro material iconográfico).
 
As receitas obtidas com a realização deste Curso serão destinadas à dinamização do Projecto efeito D, que é uma nova marca de peças de design. É uma marca que, além de nova, é diferente de tudo aquilo que conhecemos. Criada à luz de visões diversas de um conceito comum, inspira-se em pessoas diferentes, pessoas com Síndrome de Down, por exemplo.
 
Síndrome de Down - ou Trissomia 21 - é um distúrbio causado pela presença de um cromossoma 21 extra, total ou parcialmente, no código genético do ser humano. E da mesma forma que esta ligeira alteração genética cria pessoas diferentes das outras, também uma pequena alteração no código da palavra defeito encontra uma materialização nova, positiva e inspiradora. Defeito torna-se efeito D.
 
Assumindo o design como ferramenta capaz de reproduzir esta distinção, o efeito D desafiou designers portugueses e estrangeiros a projectar objectos que incorporassem no seu código genético uma diferença que os tornasse únicos, originais e apetecíveis para os consumidores.
 
O objectivo da marca, além de dar uma visibilidade sem precedentes a esta causa, é o de criar uma fonte de rendimento susceptível de financiar e desenvolver as actividades da APPT21 (Associação Portuguesa de Portadores de Trissoma 21).

 Programa (128KB)
 
Secretariado: NASTURTIUM
geral@nasturtium.com.pt

Site de Internet: http://www.nasturtium.com.pt/detalhes_f.php?id=76

 

D
S
T
Q
Q
S
S
 
 
 
 
1 2 3
4
5
6
7 8 9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28 29
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Fevereiro 2024