Script Macromedia Flash
   
Topo 1
Topo 2

Balanço do XI Congresso Nacional, 6 a 8 de Outubro, Funchal, 2010

 

Para o Congresso de 2010 o local escolhido foi a Ilha da Madeira, Funchal. O Centro de Congressos e a envolvente, pareceram-nos convidativas para uma estadia tranquila facilitadora do convívio científico.

O XI Congresso Nacional foi um Congresso temático, em que as áreas abordadas foram:

  • Formação e Investigação
  • Pediatria na Comunidade
  • Urgência.

Estes temas distribuíram-se por 11 Conferências, 14 Mesas redondas, 7 sessões de “Meet the Professor”, 7 Workshops e um curso. Realizaram-se 3 simpósios sob a responsabilidade da Indústria. Contámos com a presença de ilustres colegas que dinamizaram estas sessões e partilharam com a audiência muito do seu saber.

O Presidente do Congresso, Luís Januário, descreveu-o da seguinte forma:

“Só conseguiremos responder às questões das crianças e das famílias se juntarmos à nossa visão especializada uma outra, de carácter global, sobre a infância. Nos dias de hoje essa visão não pode ignorar as alterações sociais que criaram uma sociedade de filhos únicos, na cidade de betão sem passeios nem quintais, com creches e ATLs , impondo ritmos que são muitas vezes mais exigentes do que os impostos aos adultos empregados.

Dez por cento das crianças entre os 9 e os 17 anos têm problemas de comportamento. Os problemas de comportamento atravessam todas as idades e são o motivo explícito ou o não-dito de muitas consultas.

Os avanços tecnológicos informatizaram os serviços muitas vezes na perspectiva da facturação.

A facilidade de contacto com colegas de outros centros e de outros países e o acesso on-line à informação tem uma contrapartida: muitos pais também procuram informação na rede, tornando a questão da administração da informação e da comunicação uma exigência.

A profissão de pediatra é hoje exercida no feminino. E as mulheres trazem ao exercício profissional um repto: como conciliar a família com a carreira?

O Serviço de Saúde modificou-se. Na crise económica um sector que parece rentável é o da saúde. Os capitais privados investem na saúde criando uma competição que seria saudável se não enfraquecesse o SNS, capturasse mão de obra especializada após mais de 20 anos de elevado investimento e num ambiente em que as regras de respeito pela carreira médica- e a própria noção de carreira médica- foram congeladas.

O que procurámos fazer (neste Congresso) foi assegurar a centralidade destas questões, promover a investigação e a formação, a ligação à investigação antropológica, linguística, biológica, sociológica, filosófica”.

Participaram 86 palestrantes nacionais e 8 estrangeiros. Inscreveram-se 700 participantes.

Este ano estiveram envolvidas todas as Secções e Sociedades da SPP. Houve um espaço privilegiado atribuído ao Colégio de Pediatria da Ordem dos Médicos para debate do futuro Curriculum de formação.

Foram submetidos 435 trabalhos, dos quais 97 % foram aceites e apresentados: 49 Comunicações Orais, 102 Posters com apresentação em sala e 272 Posters com discussão no local. A avaliação foi efectuada por júri nacional da responsabilidade conjunta da Direcção SPP e das secções. Todos os trabalhos foram sujeitos a discussão pública, publicados num nº especial da Acta.

Foram atribuídos prémios aos melhores trabalhos e ainda bolsas em contexto de parceria entre a SPP e a Indústria Farmacêutica.

Concretizou-se uma Assembleia Geral Eleitoral de Pediatria com apresentação das actividades da Direcção da SPP,  das Secções / Sociedades Pediátricas e da Acta Pediátrica. Foram eleitos os novos corpos Sociais para o próximo triénio.

Também a indústria farmacêutica marcou presença com 30 expositores

 

Terminou o XI Congresso Nacional de Pediatria. O XII Congresso vai acontecer nos dias 6, 7 e 8 de Outubro de 2011 no de Congressos da Herdade dos Salgados em Albufeira, no Algarve . Aguardamos as vossas impressões e agradecemos que enviem as vossas sugestões para: webmaster@spp.pt

Resumos de algumas palestras

 

Notícias do 10º Congresso 

Notícias do 9º Congresso